O prefeito e a zona

Numa cidade, um prefeito daqueles bem bandidos, mandava e desmandava na cidade e vivia enfiando a mão nos cofres públicos do lugarzinho.

A zona da cidade ficava numa rua sem calçamento. Era só chover e juntava aquele barro… Quando o prefeito ia lá, as meninas da casa pediam o asfalto.

Na hora do bem-bom ele prometia resolver o problema e depois, nada…

Então, elas resolvem mandar uma carta pra ele, tentando explicar que, embora prostitutas, têm preservados todos os seus direitos de cidadãs e reivindicam o tal asfalto.

— “Sua santidade, sr. Prefeito…” – começa a escrever uma delas.

— Que santidade uma ova! – retruca a colega, irritada.

— “Excelentíssimo senhor prefeito”!

— Excelentíssimo porcaria nenhuma! – interrompe uma outra. E começa o bate-boca da mulherada, para resolver qual seria a melhor forma de se dirigir ao prefeito. Nessa hora, a dona do bordel corta caminho entre as moças e diz:
— Deixa comigo!

Ela pega a caneta, o papel, e começa a escrever:
— Querido filho!

Anúncios

~ por legalzinho em 20 | junho | 2007.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: